Graças, porém, a Deus que em Cristo sempre nos conduz em triunfo, e por meio de nós difunde em todo lugar o cheiro do seu conhecimento. Colossenses 1:10

Web Radio Gospel Da Covilha - ((( Portugal))) Sua Amiga De Todos As Horas

sexta-feira, 1 de março de 2013

Cuidado com as paixões da vida

Depois dessas coisas, ele se apaixonou por uma mulher do vale de Soreque, chamada Dalila.Os líderes dos filisteus foram dizer a ela: “Veja se consegue induzi-lo a mostrar para você o segredo da sua grande força e como poderemos dominá-lo, para que o amarremos e o subjuguemos. Cada um de nós dará a você treze quilos de prata”.
 
Paixões não medem risco ou conseqüências, apenas queima dentro dos corações e com a mesma intensidade que vem e deixa a pessoa radiante, também vai e deixa a pessoa em um sofrimento. Cuidado, fique atento ao se apaixonar por algo para que essa paixão não te domine, e de forma alguma deixe alguma paixão tomar o lugar de Deus na sua vida.
 
Vejamos a historia de Sansão, que era um Nazireu (no hebraico significa raiz, separada, consagrado) e como parte do seu nazireado devia se abstiver de certas comidas, de bebidas fortes não tocar em cadáveres e também não cortar o cabelo.
 
O nazireu era alguém separado para Deus, que tinha um pacto, uma aliança muito seria com Deus. Sansão além de ser um nazireu e ter um compromisso com Deus, ele era diferenciado, possuía uma força descomunal, sozinho matava vários inimigos.
 
Por esse motivo seus inimigos sempre estavam tramando algo para destruí-lo, tinham como objetivo saber de onde vinha toda aquela força.
 
Sansão estava começando a vacilar e a deixar brechas, vejamos:
 
Certa vez Sansão foi a Gaza, viu ali uma prostituta e passou a noite com ela.
Sansão foi até o território do inimigo o que já é algo arriscado e que também demonstra que Sansão estava confiando em sua força e não estava mais vigiando. E passou a noite com uma prostituta, pratica que vai contra a vontade de Deus.
 
Disseram ao povo de Gaza: “Sansão está aqui!” Então cercaram o local e ficaram à espera dele a noite toda, junto à porta da cidade. Não se moveram a noite inteira, dizendo: “Ao amanhecer o mataremos”. Juízes 16:2
 
Estavam atentos para matá-lo enquanto isso ele estava disperso e ainda fora de comunhão com Deus, pois naquele momento ele estava procurando satisfazer a sua carne enfraquecendo o espírito.
 
Mesmo assim, naquele dia ele ainda matou os inimigos que fizeram tocaia para ele, mas deixou uma pista. Mostrou uma fraqueza por mulher, e ao perceber isso seus inimigos tramaram uma estratégia que acabaria com Sansão.
 
Os líderes dos filisteus foram dizer a ela: “Veja se consegue induzi-lo a mostrar para você o segredo da sua grande força e como poderemos dominá-lo, para que o amarremos e o subjuguemos. Cada um de nós dará a você treze quilos de prata”. Juízes 16:5
Sansão estava apaixonado por Dalila, e a paixão o cegou, ele não conseguiu ver que Dalila só estava usando ele para beneficio próprio, e com planos malignos de entregá-lo nas mãos dos filisteus.
 
Ele desvalorizou o pacto que ele tinha com Deus, ele estava brincando de nazireado, brincando com o seu dom. Mas com Deus não se brinca não se brinca, pois devemos considerar a bondade e a severidade do senhor.
 
Ele se deixou levar de forma sutil, estava se alimentando daquela paixão e não mais de Deus. Sansão deixou o pacto que ele tinha com Deus, e foi levado pela paixão.
 
Depois de algumas tentativas frustradas de Dalila, Sansão apaixonado por ela, e sem comunhão com Deus, acabou revelando seu segredo, revelou deu de bandeja aquilo que ele tinha de tão precioso, o dom que Deus tinha dado pra ele.
 
Ele dormir veio Dalila (Sua ardente paixão) cortou seus cabelos e chamou os filisteus, Sansão acordou e como das outras vezes imaginou que iria se levantar e matar todos seus inimigos com a sua força. Mas Deus já não era mais com ele, não por que Deus o tinha abandonado por nada, e sim por que Sansão abriu mão de Deus e colocou sua paixão no trono de sua vida e tirou Deus.
 
Foi pego pelos Filisteus, que arrancaram seus olhos (Cegueira) fizeram descer Gaza (Decadência) o amarrarão (Escravidão) o fizeram andar moendo no cárcere (Sofrer, e vida esta guinada) o chamavam ele para ser atração nas festas (Virou motivo de piada os inimigos vibravam com a derrota de Sansão).
 
Tudo isso por que trocou Deus por uma paixão, colocou Deus de lado, e preferiu ir viver a paixão a zelar pelo seu compromisso e comunhão com Deus.
 
Enquanto ele estava brincando de ser nazireu, o inimigo não estava brincando de ser inimigo.
 
Era um homem forte, cheio de Deus homem que vivia de vitoria em vitoria cheio do espírito santa agora estava derrotado ferido e fraco.
Naquela situação triste em que se encontrava Sansão, ele reconheceu seu pecado, e clamou a Deus
 
E Sansão orou ao Senhor: “Ó Soberano Senhor, lembra-te de mim! Ó Deus, eu te suplico, dá-me forças, mais uma vez, e faze com que eu me vingue dos filisteus por causa dos meus dois olhos!” Juízes 16:28
 
E assim pediu pra que Deus dessas forças, derrubou as colunas da casa onde estavam matando todos (Sansão matou mais homens do que em toda a sua vida.)
 
E você conseguiu enxergar e compreender os perigos de uma paixão que ti afasta de Deus, você tem colocado algo acima de Deus fuja disso e se honre a sua aliança com Deus.
 
E se você se deixou levar e esta vendo sua vida, em decadência, não consegue mais enxergar com a visão de um homem de Deus, tem ficado estaguinado há anos e nada dá certo. Clame a Deus como fez Sansão, não importa o que você fez em qual situação você caiu qual foi à paixão que te enfraqueceu. Clame a ele de todo coração, pois como diz em salmos 51:17 um coração quebrantado e contrito, ó Deus, não desprezarás.
 
E tudo que lhe foi tomado será restituído, Deus está de braços abertos para fazer uma nova aliança com você. Todos os seus sonhos que foram mortos ele ressuscitara.
 
Disse-lhe Jesus: “Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que morra, viverá; João 11:25
 
Fique atento, e saiba de uma coisa, Deus sempre tem um jeito para sua vida, não importa como ela esteja, basta você correr para ele, não confie nas tuas forças e sim na força de Deus que cuida de você e ti faz mais que vencedor.
 
Texto de: Heliabe oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário